Home História Associado Notícias Associe-se Documentos Links TV Web Contato

 

 

   

 

Notícias

 

Ladrões de cargas usam equipamento para fraudar rastreador

 

Ladrões de cargas presos na semana passada pela Delegacia de Furtos e Roubos de Cargas do Rio de Janeiro agiam com equipamento que bloqueia o rastreador do veículo e chamadas de celulares das vítimas selecionadas durante o roubo. Segundo João Gilberto, diretor de uma empresa de rastreamento, o aparelho “é o mesmo utilizado em presídios, só que com tamanho reduzido e portátil”, diz.
O rastreador usado tem uma antena que pode enviar todo tipo de informação para a empresa de monitoramento. O bloqueador usado pelos bandidos corta os sinais que enviam essas informações. “Ele simplesmente para de transmitir, não tem capacidade de enviar nenhum alerta para a central de rastreamento”, diz João Gilberto.Porém, ainda de acordo com o executivo, rastreadores modernos já têm um programa que detecta justamente a aproximação do bloqueador. Quando isso acontece, o caminhão dispara uma sirene, diminui a velocidade até parar e não pode mais ser religado. “Ele desliga o sistema de combustível do veículo”, explica João. A empresa então recebe as informações de que o rastreador desligou o veículo, o local onde ele está e avisa a polícia.
Nos últimos nove meses, 212 pessoas envolvidas em crimes do tipo foram presas no Estado Fluminense, sendo que de janeiro a março desse ano, o roubo de cargas no Rio cresceu 30% em relação ao mesmo período de 2011.
 

Fonte: Fantástico

 

 

 

 

 

 
 

Sindimercosul

Uruguaiana - Rio Grande do Sul

                            Fone: (55) 3413-1859

   

 

Copyright © 2011/2013 Sindimercosul :: By Agência Portal da Fronteira

Todos os direitos reservados.